S. Julião
  • Paróquia de Mangualde
  • Paróquia de Mangualde
  • Paróquia de Mangualde
  • Paróquia de Mangualde
  • Paróquia de Mangualde
  • Paróquia de Mangualde
  • Paróquia de Mangualde

Calendário

<<  Maio 2015  >>
 Se  Te  Qu  Qu  Se  Sá  Do 
      1  2  3
  4  5  6  7  8  910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Mapa

Coordenadas GPS:

40º36'21''N
7º45'57''W

Ver mapa aqui.

Entrada



Visitas

mod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_counter
mod_vvisit_counterHoje529
mod_vvisit_counterOntem919
mod_vvisit_counterEsta semana5159
mod_vvisit_counterEste mês24026
mod_vvisit_counterTotal2619186
Visitors Counter 1.5
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Crianças do 4º ano festejaram

DSCF1891 800x600

“Festa da Palavra”

No dia 24 de maio, Domingo de Pentecostes, celebrou-se na paróquia de Mangualde, na Missa das 11h00, a Festa da Palavra.

DSCF1910 800x600

Nesta Missa estiveram presentes 72 jovens do 4º ano da catequese, que neste dia ocuparam a parte central da Igreja.

O Rev. Cónego Jorge Seixas na homilia, explicou o significado deste dia – Domingo de Pentecostes.

DSCF1905 800x600

Com a solenidade de Pentecostes, encerramos o Tempo Pascal.

Salientou que o Espírito Santo habita em nós desde o dia do nosso Batismo , Jesus está vivo e ama-nos. A Igreja é uma família que quer seguir Jesus.

Os crianças ouviam-no com atenção e respondiam as questões que o Rev. Cónego lhes colocava e todos em conjunto cantaram :“Ó Jesus eu nasci para te amar”.

Salientou também a importância da Bíblia que iam receber; “ aqui encontrais a força do Espírito Santo, bem como a história dos povos e de Jesus”.

“Deus ama-nos, dá-nos força e continua sempre connosco.”

E com a alegria cantaram: “Eu gosto de ti ó Jesus”, “Eu quero ter um coração bonito”…

DSCF1946 800x600

DSCF1947 800x600

No momento oportuno estas crianças receberam a Bíblia das mãos de um dos seus familiares.

DSCF1968 800x600

 

As crianças participaram ativamente em alguns momentos da celebração: leituras, homilia, cânticos, entrega de oferendas.

No final o Rev. Cónego Jorge Seixas pediu uma salva de palmas para estas crianças e suas catequistas.

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

 

Imagem Peregrina em Mangualde

DSCF1599 800x600

IMG 5071 800x600

Uma multidão

acompanhou a Mãe

 

DSCF1453 800x600 DSCF1457 800x600

O dia 23 de maio ficará gravado nos corações de milhares de fiéis que acompanharam a Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima.

O arciprestado de Mangualde convidou toda a comunidade a estar presente neste dia memorável e assim aconteceu.

DSCF1468 800x600

Pelas 9h30 uma multidão concentrou-se na rotunda Baden-Powell (em frente da GNR) para receber a imagem de Nossa Senhora, que vinha de Nelas, sendo saudada com palmas ao longo da Avenida.

Os Rev. Padres do Arciprestado e o Diácono Permanente Manuel Vaz acompanhados dos Grupos de Jovens do Arciprestado, crianças, diversos movimentos e demais fiéis receberam-Na com o cântico: “Senhora nós vós louvamos” e com largada de 60 pombas.

DSCF1479 800x600

De seguida o Rev. Cónego Jorge Seixas, Vigário Episcopal da Zona da Beira Alta, recebeu uma rosa de cada paróquia (18), para serem colocadas aos pés de Nossa Senhora, símbolo de amor que todo o Arciprestado tem para com a Senhora, Nossa Mãe do Céu.

DSCF1489 800x600

O Rev. Pe. Nuno Azevedo – Arcipreste e responsável pela organização deste evento pediu aos milhares de peregrinos que com toda a serenidade acompanhassem a procissão de uma maneira ordeira para a Igreja Paroquial de Mangualde com a recitação do terço e da seguinte forma: Cruzes, crianças  abriram a procissão, seguida da  guarda de Honra a Nossa Senhora pelos Bombeiros Voluntários de Mangualde, que delineavam o perímetro de segurança, seguindo os Rev. Padres do Arciprestado, entidades oficiais e demais fiéis. Esteve presente o Sr. Presidente da Câmara e Vereadores.

DSCF1459 800x600

DSCF1521 800x600

DSCF1519 800x600

DSCF1516 800x600

 

DSCF1510 800x600

DSCF1505 800x600

Durante o trajeto foi rezado o terço pelos Grupos de Jovens do arciprestado e entre cada mistério foram entoados vários cânticos Marianos: “Tu és o sol”; “Eu te quero cantar”; “Maria de Nazaré”; “Desde toda a eternidade”; Maria Tu fixaste meus olhos”; “Quero ser como tu”; “Mãe dos Jovens”; “Maria da Esperança”; “Mãe do Amor”.

DSCF1559 800x600

DSCF1555 800x600

À entrada do Complexo Paroquial uma magnífica passadeira de pétalas de rosas e as colchas anunciavam o grande dia festivo que se estava a viver na nossa comunidade.

DSCF1582 800x600

Chegada a Imagem à entrada do Complexo Paroquial, o andor foi transportado em mãos pelos Bombeiros Voluntários de Mangualde e as crianças procederam à largada de balões, oferta da Câmara Municipal de Mangualde.

DSCF1611 800x600

DSCF1615 800x600

Entre cânticos, Nossa Senhora foi colocada junto ao altar da Igreja Paroquial, a qual ficou completamente cheia, rezando-se então os dois últimos mistérios do terço. De seguida iniciou-se o primeiro momento de oração pelos jovens do arciprestado.

DSCF1660 800x600

Durante todo o dia a Igreja Paroquial de Mangualde teve a presença de inúmeros fiéis que junto à imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima se recolhiam em oração.

DSCF1677 800x600

Vários Grupos marcaram presença com orações e cânticos: Legião de Maria, Apostolado de Oração, Cursilhos de Cristandade, Lares e Centros de Dia, Movimento da Mensagem de Fátima, Fraternidade Nuno Álvares, Adoração Eucarística, Bênção dos Noivos do CPM, Oração das Famílias e às 19H00 a Serenata a Maria que contou com a presença de diversos Grupo a nível arciprestal que se inscreveram: Chãs de Tavares, Cunha Baixa, Lobelhe do Mato, Mangualde, Mourilhe/Mesquitela e Mangualde.

DSCF1730 800x600

DSCF1876 800x600

Seguiu-se a Eucaristia na Praça do Complexo Paroquial às 20h30 com a presença dos Párocos do Arciprestado e Diácono Permanente Manuel Vaz, presidida pelo Arcipreste.

DSCF1882 800x600

O Rev. Pe. Nuno Azevedo, na homilia, salientou a importância da oração: “ sejamos cristãos sem vergonha, Nossa Senhora pediu rezai o terço, relançando o hábito da oração mariana do Rosário nas famílias…”, “Família que reza reunida permanece unida …”

111 0036 800x600

DSCF1886 800x600

DSCF1884 800x600

111 0050 800x600

Seguiu-se a Procissão de Velas com a presença de milhares de fiéis que seguiram Nossa Senhora pelas ruas da cidade, passando à frente dos Lares da cidade onde os idosos através das janela puderam saudar Nossa Senhora.

111 0058 800x600

111 0073 800x600

 

111 0075 800x600

DSCF1888 800x600

DSCF1889 800x600

111 0142 800x600

A grande multidão acompanhou até ao fim a Imagem Peregrina. No final das cerimónias o Rev. Pe. Nuno num gesto simbólico entregou a imagem ao Sr. Pe. Ermelindo Ramos, que no dia seguinte a iria receber em Penalva do Castelo.

111 0156 800x600

Agradeceu a todos quantos colaboraram e prepararam esta grande manifestação de fé.

111 0159 800x600

Seguiu-se a Consagração a Nossa Senhora e oferta de uma pagela com uma oração que marcou a passagem da Imagem Peregrina pela nossa cidade, da autoria do Rev. Cónego Jorge Seixas.

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

HOMILIA DO DOMINGO DE PENTECOSTES

O Tempo Pascal encerra com a Solenidade do Pentecostes, recordando a descida do Espírito Santo sobre os Apóstolos e sobre todos os discípulos de Jesus, entre os quais estamos incluídos. O Espírito Santo é o próprio Deus em nós, é a força de Deus em nós. Por um lado, transforma cada um de nós interiormente, santificando-nos e dando-nos coragem, alegria e paz interior; por outro lado, envia-nos aos outros em serviço generoso e gratuito, em amor verdadeiro e ajuda. Neste dia, ressoa nos nossos ouvidos a profissão de fé: “Creio no Espírito Santo, Senhor que dá a vida e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho é adorado e glorificado”. Foi Ele que falou pelos profetas. É Ele que conduz a Igreja à verdade e santifica todos os homens e mulheres que abrem os seus corações para dar pousada a este Hóspede divino.

No decorrer da história da humanidade e da história da salvação, o Espírito Santo esteve sempre presente. Basta consultar os textos sagrados do Antigo e do Novo Testamento. Desde a primeira página do livro do Génesis, temos referências ao Espírito de Deus. Na obra da criação, “pairava sobre as águas”. Foi Ele que alimentou a fé de Abraão, deixando a sua terra para ir para a terra que o Senhor lhe iria indicar. Foi Ele que encheu de força Sansão, de astúcia Judite. O Espírito Santo iluminou o profeta Isaías, anunciador de acontecimentos futuros e da Encarnação de Deus. Foi Ele que ungiu David como rei, que inspirou a Ezequiel a promessa de Deus tirar o nosso coração de pedra e de colocar um coração espiritual. Alguns episódios do Novo Testamento: o Espírito Santo ilumina e convence Maria de Nazaré a ser Mãe de Deus; conduz Jesus ao deserto para ser tentado; reveste os apóstolos de coragem para ir pelo mundo inteiro pregar o evangelho, testemunhando a fé com o seu sangue. Não teríamos mártires sem o Espírito Santo. Não haveria homens e mulheres que se consagraram a Cristo, sem o Espírito Santo. Não teríamos leigos comprometidos ao serviço da Igreja e da evangelização, sem o Espírito Santo. Portanto, o Espírito Santo é o protagonista da História da Igreja. Ele dirige os destinos da Igreja através de tantos séculos.

Neste dia de Pentecostes, professemos a nossa fé no Espírito Santo, que é o Espírito de Cristo: um espírito de justiça, de verdade, de santidade e de graça. É esta força divina que nos dá coragem para lutar contra o egoísmo, o erro, a mentira e o pecado. É este Espírito de Deus que todos os dias me aconselha, corrige, fortifica, entusiasma. É Ele que me ajuda a saber discernir o que é mais importante para a minha vida: dar amor, limpar as lágrimas aos nossos irmãos, rir com os que estão alegres. Resumindo: o Espírito Santo inspira os meus pensamentos, purifica o meu coração, fortalece a minha vontade e envia-me a pregar Cristo sem vergonha, mas com entusiasmo e alegria.

Que o Espírito Santo inspire sempre o que devo pensar, o que devo dizer, como devo dizer, o que devo calar, o que devo fazer para a glória de Deus e para a minha santificação.

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

ATT00052visita 800x600

 
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

SEMANA DA VIDA - FESTA DA FAMÍLIA

DSCF1409 800x600

 DSCF1393 800x600

De 10 a 17 de Maio, decorreu a SEMANA DA VIDA. O Secretariado Diocesano da Pastoral da Família promoveu, no dia 17, a habitual Festa da Família, este ano em Mangualde. Pelas 14:30 começou o acolhimento no complexo paroquial de Mangualde com um momento musical muito agradável, protagonizado pelo grupo “Canto Fraterno”. Seguiu-se a conferência/debate “A Família na Sociedade – Missão e dificuldades” proferida pelo Dr. Juan Francisco Garcia Ambrosio, casado e pai de dois filhos, docente da Faculdade de Teologia da Universidade Católica e autor de diversos artigos e livros sobre a família.

DSC 0216 800x600

Na sua brilhante exposição, Juan Ambrosio propôs um olhar sobre a realidade da família atual e um caminho a seguir na pastoral familiar.

A tão propalada crise da família afinal não é de hoje, é um discurso que tem mais de 30 anos, o tempo de uma geração, e que portanto já pouco diz aos jovens de hoje. A família sempre soube se adaptar em todos os momentos de crise civilizacional – reorganizou-se, reconfigurou-se para dar resposta à sua razão de ser, que é desempenhar um papel importante na maturação da pessoa e na construção da sociedade. A Família não acabou e não acabará, está em transformação, em metamorfose. A família continua a ser vista e experimentada como um valor fundamental. Para a consciência crente o futuro da família é visto com grande esperança – esperança de que a família se renove e conserve como algo indestrutível ao serviço da vida, da pessoa e da sociedade. Aos cristãos é lançado o desafio de ser uma minoria qualificada e qualificadora que saiba acompanhar a família em todas as suas fases e dimensões. A Pastoral familiar tem que encontrar forma de sair do mero discurso académico, teórico e tornar-se presente na construção do bem comum alicerçada no cuidado e atenção do outro, na família e na comunidade.

DSCF1411 800x600 

DSCF1393 800x600 DSCF1400 800x600

DSCF1420 800x600 DSCF1418 800x600

 

DSCF1423 800x600 DSCF1430 800x600

 

DSCF1403 800x600

Pelas 17:00 seguiu-se a celebração da Eucaristia presidida pelo Sr D. Ilídio, onde, à semelhança dos anos anteriores, os casais que completam 10, 25,40, 50 ou 60 anos de matrimónio, ao longo deste ano de 2015, tiveram uma participação especial, com a renovação das promessas matrimoniais, a bênção episcopal e a receção de um Diploma assinado pelo Sr. Bispo. Este ano, por razões sobejamente conhecidas, a família está, ou pelo menos deveria estar, no centro das nossas preocupações e atenções pastorais. Urge pois fazermos um esforço para podermos testemunhar a alegria de vivermos o Evangelho em família.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Página 1 de 115